Não são apenas as lindas praias que fazem de Florianópolis uma cidade na qual turistas e visitantes são impelidos a transformar em moradia. Para quem tem espírito empreendedor e afinidade com a tecnologia, a capital de Santa Catarina também pode ser um excelente destino profissional.

Empreender em Florianópolis pode ser ótimo, especialmente se considerarmos algumas características da cidade que garantem um ambiente favorável para os negócios. Confira, neste post, quais são as condições e saiba como é possível aproveitar boas oportunidades na Ilha da Magia!

Crescimento do mercado de tecnologia

Historicamente, o turismo e o setor de serviços sempre foram os grandes impulsionadores da economia de Florianópolis. Com mais de 40 praias paradisíacas, a cidade ficou conhecida como a Ilha da Magia, sendo um dos grandes destinos turísticos da região sul do país. Porém, de alguns anos para cá, essa situação mudou.

No Índice de Cidades Empreendedoras, divulgado pela Endeavor Brasil em 2015, Florianópolis aparecia na segunda colocação, atrás apenas de São Paulo. Sem um setor industrial muito desenvolvido, a cidade apostou na tecnologia com força para crescer economicamente.

Isso criou um movimento positivo de desenvolvimento da inovação e de especialização de mão de obra. Atualmente, segundo dados da Associação Catarinense das Empresas de Tecnologia (Acate), já são mais de 900 empresas do setor instaladas somente na Grande Florianópolis.

O crescimento do mercado de tecnologia foi tamanho que a cidade passou a ser conhecida como a Ilha do Silício, com potencialidade para se tornar a Meca do setor na América do Sul, assim como ocorre no Vale do Silício, na Califórnia.

Ambiente favorável à inovação

A capital de Santa Catarina tem apostado no segmento relacionado à inovação e incentivado os empreendedores do setor. E não se trata de algo novo ou passageiro.

Desde a década de 1980, a prefeitura de Florianópolis oferece incentivos fiscais, com a isenção ou desconto em tributos como o Imposto sobre Serviços (ISS) e o Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) das empresas do setor.

Para favorecer o empreendedorismo, foram criadas na cidade várias incubadoras empresariais. Estas resultaram na abertura de diversas startups com foco no desenvolvimento de tecnologia e inovação.

Mão de obra qualificada

Por fim, Florianópolis tem provido o mercado com mão de obra especializada. Cerca de 30% da população da cidade tem formação superior e o acesso ao ensino é facilitado pela presença de três universidades públicas.

A cada ano, formam-se em Santa Catarina cerca de mil novos profissionais em áreas como ciências exatas e biológicas, o que é positivo para suprir a crescente demanda do setor.

Esses são alguns bons motivos para empreender em Florianópolis, uma cidade que, além da qualidade de vida diferenciada que garante aos seus moradores, também é um polo de inovação e de tecnologia.

Se você também tem interesse em ser um empreendedor na capital de Santa Catarina e necessita de uma sala ou ponto comercial que impulsione seu negócio, podemos ajudar! Curta nossa página no Facebook, fique por dentro das novidades e encontre os melhores imóveis comerciais da cidade.