A escolha do tipo de imóvel e do ponto comercial são algumas entre as diversas decisões do empreendedor que podem ser decisivas para o sucesso do negócio. Afinal, instalar-se em um local de fácil acesso para seus clientes, com boa circulação de pessoas e que lhe garanta boas condições de competir com seus concorrentes é imprescindível, não é mesmo?

Essa escolha exige um bom trabalho de planejamento, aliado ao conhecimento profundo do seu público e do mercado em que se está inserido. Ponto comercial é o tema de hoje, confira neste post quais são os erros mais comuns na hora de tomar essa decisão e saiba como evitá-los.

1. Desconsiderar o acesso dos clientes

Antes de escolher o ponto comercial, é importante visualizar como o seu cliente chegará até o local. E isso depende do tipo de empreendimento. Ele pode ser de passagem, que é aquele que atrai o cliente quando ele passa em frente ao mesmo, ou de destino, quando o consumidor se desloca até ele atraído pelo serviço ou produto em si.

No primeiro caso, é necessário um ponto com grande fluxo de clientes com o perfil desejado para o negócio. Já no segundo, é preciso dispor de mais comodidades, como estacionamento. Da mesma forma, é preciso considerar a disponibilidade de transporte público próximo ao ponto comercial.

As necessidades do seu público serão descobertas após um levantamento de perfil, baseado em informações fornecidas por clientes e projeções realizadas pelo gestor.

2. Esquecer-se da concorrência

Na hora de iniciar um empreendimento é fundamental avaliar sua concorrência sob todos os aspectos. Para definir o ponto comercial não é diferente. A escolha precisa considerar a presença deles.

Procure avaliar o quanto seus concorrentes influenciam os clientes em potencial na região em análise e de que tipo de estratégias eles utilizam para fidelizá-los. Assim, alem de analisar se a região comporta mais de um empreendimento do mesmo seguimento, você ainda pode verificar quais as ações funcionam e quais têm menos chances de obter sucesso.

3. Adaptar o ponto comercial ao seu negócio

Você encontrou um ponto comercial barato, espaçoso, em uma área valorizada da cidade, mesmo que distante e de difícil acesso para o seu público, mas acredita que pode adequá-lo ao seu negócio? Cuidado, pois esta é uma aposta muito arriscada.

Se você tem toda a estratégia de sucesso para o seu empreendimento elaborada, com certeza você sabe a importância do ponto comercial e quais as características que ele deve ter. Abrir mão deste plano é arriscar-se a ficar escondido do seu cliente. Se não funcionar, reverter essa situação será bastante trabalhoso e caro.

4. Pensar somente no orçamento

É evidente que colocar um empreendimento para funcionar é caro, envolve custos diversos e é fundamental economizar em tudo o que for possível. Mas não exagere a ponto desta economia frear o crescimento do negócio.

Tenha em mente que o ponto comercial é um investimento e que dele depende o sucesso do seu empreendimento. Tenha parcimônia com os custos, mas cuidado para que isso não comprometa o crescimento do negócio.

 

Estes são alguns erros que você precisa evitar na hora de escolher o ponto comercial onde vai instalar o seu empreendimento. Escolha com tranquilidade e siga o seu plano de negócios e com certeza você encontrará o melhor local para atender aos seus clientes.

Agora que você já sabe como escolher o ponto comercial, que tal conferir algumas dicas sobre como alugar um imóvel?