Encontrar estilo de decoração que adéque a casa à sua rotina e, principalmente, à sua personalidade nem sempre é uma tarefa fácil. Afinal, cada tendência tem suas peculiaridades e traz propostas diferentes para otimizar espaços.

Foi pensando nisso que decidimos listar os estilos de decoração que estão em alta para você se inspirar. Confira agora mesmo e comece a planejar as mudanças para deixar sua casa mais aconchegante!

1. Estilo rústico

O estilo rústico é traduzido em acabamentos mais visíveis e até imperfeitos, revestimentos com texturas e o uso marcante da madeira, seja em móveis, pisos ou objetos decorativos.

É uma decoração voltada para proporcionar aconchego e que conversa, simultaneamente, com os estilos vintage e moderno.

Aqui os tons terrosos são bem evidentes e harmonizam com objetos que remetem ao campo e à natureza, como vasos de plantas e tapetes felpudos.

2. Estilo minimalista

Entre os estilos de decoração, o minimalista é um dos que mais cresce, especialmente entre aqueles que têm apartamentos pequenos. Não é à toa, já que a premissa dele é de que menos é mais.

Por isso, há mais espaços para circulação de pessoas, áreas de ventilação e a mobília é reduzida, pois se torna funcional e otimizada.

Cores claras, como os tons pastel e o branco, se destacam nos revestimentos de paredes e pisos. Também há uma redução no número de móveis — que tendem a ser mais neutros — e acessórios decorativos, que facilitam a organização e limpeza da casa.

3. Estilo escandinavo

O estilo escandinavo, que também tem ganhado cada vez mais adeptos ao redor do mundo, é uma vertente da decoração minimalista.

Ele mantém os traços principais desta última, como a otimização dos ambientes e a funcionalidade dos móveis, mas incorpora um caráter diferenciado nos detalhes.

Isso porque aqui o branco é a cor predominante no ambiente — seja nas paredes ou em móveis que o mixam com tons terrosos — e contrasta sempre com pisos laminados e muitos acessórios, como quadros e luminárias.

Além disso, há uma forte conexão com a natureza nesse estilo, visível na presença de plantas e imagens de paisagens.

4. Estilo industrial

O estilo industrial, por sua vez, faz referência direta ao lofts norte-americanos que eram antigos galpões de fábricas entre as décadas de 1950 e 1970.

Por isso, algumas características são bem marcantes nessa decoração, como as paredes de tijolos, as tubulações aparentes e os revestimentos de concreto.

Os móveis tendem a ser de madeira e a paleta de cores dos ambientes varia entre o preto, o branco, o cinza grafite e os tons terrosos. Mas isso não significa que a casa terá sempre tonalidades sóbrias!

Os tons mais vibrantes são comuns nos objetos de decoração, como quadros, telas, almofadas, banquetas e luminárias, sejam elas de coluna ou pendentes.

5. Estilo moderno

Por fim nós temos o estilo moderno. Afinal, ele, que também é chamado de contemporâneo, reúne traços de diversos tipos de decoração para criar ambientes práticos, funcionais e cheios de personalidade.

Ele traz uma paleta de cores vibrantes que se complementam sem que haja um desequilíbrio — por exemplo, paredes em tons claros e móveis com revestimentos que podem ir do vermelho ao azul.

Aliás, a mobília pode contar com diferentes materiais em sua composição, como madeira, ferro e vidro. Para isso, é preciso apenas que ela mantenha uma uniformidade quanto às linhas retilíneas na composição do espaço.

Já os acessórios dão um charme à casa, pois o estilo reúne obras de arte, luminárias, espelhos e muito mais.

Gostou de ler mais sobre esses estilos de decoração? Então compare as propostas de cada um e escolha aquele que trará ainda mais qualidade de vida e deixará o seu lar com a sua cara.

E se você tiver alguma dúvida ou sugestão sobre algum estilo, não se esqueça de deixar seu comentário!