A vistoria de imóvel é um importante passo na hora de alugar. No entanto, muitos locatários não dão a devida atenção a essa análise, deixando-se levar pelo entusiasmo no momento de conhecer a casa ou apartamento.

Isso deve ser evitado, já que após a mudança o morador perceberá que o imóvel apresenta problemas pontuais em sua estrutura, causando desconforto para todos que ali vivem.

Se você quer entender tudo sobre a vistoria de imóvel, leia este artigo até o final para não cometer erros nessa etapa tão importante do processo de aluguel.

 

1. Atenção às instalações elétricas e hidráulicas

Defeitos nas instalações elétricas exigirão pequenas reformas, que mudam a rotina de qualquer pessoa. Portanto, certifique-se de que o locador está entregando um imóvel em perfeito estado.

Caso o imóvel seja antigo, converse com o corretor sobre o histórico de manutenções das instalações. No caso da parte elétrica, observe se tomadas foram trocadas para o novo padrão e se a iluminação apresenta alguma inconsistência, por exemplo.

Com relação às instalações hidráulicas, observe manchas nas paredes, pequenos pontos de bolor, presença de mofo ou bolhas na tintura. Esses sinais podem revelar que o imóvel teve problemas com vazamentos de água.

2. Observe trincos e maçanetas na vistoria de imóvel

Uma porta rangendo, uma janela que não fecha ou uma maçaneta emperrada costumam estressar as pessoas no dia a dia. Nem sempre o morador possui tempo para arrumar esses defeitos.

Dessa forma, certifique-se que a propriedade que está sendo visitada não possui esses problemas. Em alguns casos, eles são causados pela baixa qualidade do material utilizado nesses objetos ou pela idade da construção. Sendo assim, não tenha medo de abrir e fechar todas portas e janelas no momento da vistoria de imóvel.

 

3. Análise a pintura e revestimento

No momento da vistoria, é interessante verificar se a qualidade dos materiais utilizados no revestimento te agrada. Afinal de contas, nem sempre é possível alterá-los. Portanto, converse com todos os familiares para saber se estão de acordo com as cores dos cômodos do apartamento.

Além disso, como foi dito, manchas na pintura podem ser indicadores de umidade. Ambientes úmidos podem ser um problema em particular para quem tem doenças respiratórias, além de idosos e crianças pequenas. Por isso, fique atento a esses detalhes.

Ainda sobre o revestimento, é importante lembrar que peças de cerâmica podem ser de difícil substituição, sobretudo quando são antigas. Isso devido às mudanças naturais nas coleções e lançamentos de novas opções de revestimentos.

Essa característica pode ser um problema para o morador caso precise substituir uma peça, já que cabe a ele a responsabilidade de entregar o imóvel em perfeitas condições após o período de aluguel.

A vistoria de imóvel não é uma simples visita. Ela deve ser encarada pelo locatário como uma oportunidade de verificar a qualidade da propriedade, entendendo se, de fato, ele gostará de viver naquele ambiente.

Oferecer ao locatário a possibilidade de fazer uma vistoria de imóvel é uma obrigação do locador. Aliás, você sabe quais são as responsabilidades de cada uma das partes envolvidas no aluguel? Se estiver interessado em conhecê-las, basta ler um artigo especial que preparamos sobre o tema.

Não esqueça de levar seu papel da vistoria!

 

Abraços

Equipe Ibagy